PCE 22/23 - 2º SEMESTRE

 

Iniciamos, em fevereiro, três projetos distintos de artes performativas.

O primeiro, o Artista Residente (AR), remonta ao primeiro ano do PCE e esteve na sua origem, no encontro entre a associação Animateatro e a ESA.
O nosso AR é a Animateatro que se posiciona, culturalmente, como um grupo cuja expressão artística tem eco nas diversas manifestações da Freguesia de Amora e na própria ESA. É a associação nossa vizinha, é o grupo de artes performativas do nosso território.
O AR constitui uma das premissas do programa Indisciplinar a Escola (Eixo C, programa I, do PNA). Terá um papel fundamental no apoio e no desenvolvimento dos projetos artísticos dos alunos, apoiando as suas iniciativas, coadjuvando os coordenadores e docentes de Cidadania e de outras disciplinas, quando solicitado.

AR Animateatro / Turma 8º D

 

O segundo projeto surge da parceria do PCE com o Departamento de Cultura da Câmara Municipal do Seixal e integra-se na candidatura PRR "Operações Integradas em Comunidades Desfavorecidas da AML". A associação Sete Anos está a desenvolver oficinas artísticas com jovens da ESA e, indo ao encontro dos objetivos do PCE, procura promover o desenvolvimento de competências sociais, através da criação artística. Conta com o trabalho interdisciplinar de Cidadania e Desenvolvimento, Educação Visual, Português, Português Língua Não Materna e Apoio Tutorial Específico. É executado em parceria com a Escola Secundária Manuel Cargaleiro.

Projeto Sete Anos Sete Escolas / Turma 9º D

 

O terceiro projeto resulta da parceria promovida pelo PCE junto do Integr(ar)te, apoiado pela Fundação Gulbenkian e que se sustenta nas artes cénicas do Teatro do Oprimido. Para a viabilização desta atividade é condição que o grupo tenha jovens de diferentes nacionalidades. Os alunos serão acompanhados por uma formadora do Integr(ar)te, que inicia o seu trabalho artístico a partir da herança familiar de cada um dos participantes.

Integr(ar)te / Turma 12º E

 

PCE 22/23 - 1º SEMESTRE

No primeiro semestre de 2022-2023 o PCE deu continuidade aos seus princípios estruturantes, reforçando a ligação ao território de proximidade e promovendo atividades de consolidação do percurso iniciado no ano letivo anterior, percurso ramificado para um mesmo fim: aproximar os jovens às linguagens artísticas, nas suas múltiplas facetas e manifestações.

"É hoje uma certeza comprovada cientificamente que a Arte como expressão pessoal e cultural se apresenta como um instrumento essencial no desenvolvimento social e humanista das crianças e dos jovens, desenvolvendo a perceção e a imaginação, possibilitando a apreensão da realidade do meio envolvente, e desenvolvendo a capacidade critica e criativa, assumindo-se ainda como o instrumento por excelência para educar as emoções". (Plano Nacional das Artes, uma estratégia, um manifesto)

Neste ano letivo, destaca-se a formação do grupo de Teatro da ESA, pensado desde o início do PCE, de acordo com tradição artística local, uma vez que o teatro constituiu uma forte presença, quer no passado da nossa escola quer no nosso concelho.

 

Jornal Interescolar - Encontro com Rui Telmo Gomes

 

Integrada na organização do jornal Interescolar decorreu, no dia 13 de fevereiro, um encontro de alunos de várias escolas com Rui Telmo Gomes, sociólogo e investigador nos domínios da sociologia da arte e cultura e das culturas juvenis.

A ESA esteve muito bem representada nesta palestra que decorreu no Auditório da CMS e que versou sobre a "participação no espaço público através da arte e da cultura, enquanto elemento catalisador que pode contribuir para dar voz às comunidades e afirmar a sua participação na vida social e política dos territórios".

As jovens estudantes da ESA falaram sobre as atividades que desenvolvem na escola: música, teatro, jornal, rádio e, ainda, sobre a participação democrática.

Da direita para a esquerda: Manuela António, Isabella Lima, Celiny Santos, Camila Tomáz, Marisa Gaspar e Dejanira Nonato. As alunas presentes participaram no debate com muito empenho e clareza.

 

Participação Democrática

 

O Projeto “Participação Democrática”, é dinamizado pelos alunos das turmas 12C, 12E, 12F e 12TGPSI, dentro do âmbito do Projeto Cultural de Escola.

A atividade pretende proporcionar uma aproximação dos jovens à vida político-partidária e assim contribuir para a diminuição da abstenção nos atos eleitorais, dando continuidade a um mesmo tema desenvolvido no ano letivo anterior.

Para o efeito, conta com a orientação dos professores de Cidadania e Desenvolvimento e assenta nos projetos desenvolvidos nesta disciplina, domínio "Instituições e Participação Democrática".

Os alunos e os professores têm planificado as atividades em conjunto, através de encontros regulares entre os representantes de cada turma.

As disciplinas de Direito, História, Sociologia e Área de Integração contribuem também para o projeto, procurando realizar um trabalho interdisciplinar, desde o início do ano letivo.

 


A visita à Assembleia da República, no dia 12 de janeiro, envolveu quarenta e sete alunos e enquadra-se nesta atividade. Acompanharam os alunos quatro professores das referidas disciplinas.

O interesse demonstrado pelos alunos, assim como o respetivo comportamento, superou as expectativas! A visita à AR foi um sucesso, na avaliação feita pelos alunos e pelos professores.

O grupo foi recebido às 10:30h na AR pela Sr.ª Deputada Lina Lopes, do grupo parlamentar do PSD. A Deputada acompanhou os alunos, durante a parte da manhã, numa visita guiada ao interior do Parlamento, onde foi possível visitar o Salão Nobre, a sala do Plenário (sala das sessões), a sala do Senado, a sala dos Passos Perdidos e a escadaria nobre. Às 15h a Deputada conduziu o grupo às galerias, para assistir ao debate agendado para este dia e acompanhou o grupo até à saída do Parlamento, por volta das 17h.

 

 

No dia 23 de janeiro foi a ESA que recebeu os representantes das Juventudes Partidárias. PS, PSD, PC, IL e PAN estiveram no Auditório para apresentar alguns dos princípios fundamentais dos seus partidos e responderem às questões que os estudantes da nossa escola lhes colocaram.

A pedido dos alunos, foram também organizadas bancas representativas de cada partido, no espaço polivalente da escola. Aqui, os jovens militantes conversaram com os alunos da ESA.

A segunda fase do projeto, “Participação Democrática”, passou à prática neste debate com os representantes das juventudes partidárias.

Previamente, cada turma tinha preparado o tema base que queria colocar aos partidos, de acordo com os domínios em trabalho na disciplina de Cidadania e Desenvolvimento. Esta escolha foi comunicada a todos os participantes.

Após detalhada preparação da atividade, feita pelos representantes das turmas 12C, 12E, 12F e 12TGPSI, os alunos marcaram a sua presença no Auditório.

É de salientar que os organizadores enviaram convites a todos os partidos, com assento na Assembleia da República, e que só seis responderam, dentro dos prazos definidos. O BE confirmou a presença, mas no dia do debate não compareceu.

Participaram também na atividade alunos das turmas 12G, 3TT e 12A.

----

Em março, está planeada a terceira e última fase do projeto, a simulação de uma assembleia de freguesia, a realizar nas instalações da Junta de Freguesia da Amora.

 

Leitura de rótulos alimentares

 

Nos dias 24 e 26 de janeiro de 2023, no Auditório da ESA, para as turmas,  1.ºTC/TG, 10.ºC, 10.ºE, 10.ºG, 11.ºD, 2.ºTC/ TG, 3.ºTAS, 3.ºTT, 1.ºTGPSI, 1.ºTT, 10.ºA, 10.ºB, 10.ºD1, 10.ºF, 2.ºTAE, 2.ºTAS e 2.º TGPSI, acompanhadas pelos professores, Mário Martins, Elsa Gomes, Paulo Abreu, Filipa Deodato, Ilda Costa, Fátima Lopes, Lúcia Mendonça, Luís Valério, José Maia, Sandra Farto, Luís Crespo, Estela Oliveira, Ana Paula Fernandes, António Libreiro, Ana Moreira, Fernando Martins, Joana Correia, Sérgio Galvão e Augusto Ganhão, realizou-se uma ação de sensibilização sobre leitura de rótulos alimentares, dinamizada pelo Dr. José Marques da Liga Portuguesa Contra o Cancro, com a colaboração da Dra. Rute Marques da Câmara Municipal do Seixal.

Nesta sessão pretendeu-se conhecer a informação contida nos rótulos das embalagens alimentares, saber fazer escolhas assertivas na hora de comprar e promover estilos de vida saudáveis para minimizar o cancro em Portugal. Os participantes conheceram e, os que quiseram, receberam o descodificador de rótulos para sólidos e líquidos esclarecendo as suas dúvidas.

 

Bullying

 

Na tarde do dia 19 de janeiro de 2023, no Auditório da ESA, para as turmas, 1.ºTC/1.º TG, 1.ºTT, 11.ºB, 2.ºTAE, 2.ºTG e 3.ºTAE, acompanhadas pelos professores, Edna Guerreiro, Nuno Araújo, Joaquina Correia, Ana Lúcia Oliveira, Ana Moreira, Fernando Martins, Ana Paula Martins, Miguel Oliveira, Elsa Gomes e Ilda Costa, realizou-se uma ação de sensibilização, de prevenção e combate ao Bullying, dinamizada pela Equipa da Escola Segura, nomeadamente Agente Costa e Agente Guerreiro da PSP, com a colaboração da Enf. Inês Duarte e do Assistente Social, João Silva. Esta sessão ajudou os alunos a estar atentos à problemática do bullying e constituiu uma oportunidade  para aprofundarem conhecimentos e desenvolverem  competências  que permitam identificar, prevenir, e intervir face aos comportamentos de bullying.

imagem: https://www.sembullyingsemviolencia.edu.gov.pt/

 

3ª edição do Projeto de Voluntariado EPIS/CTT

 

"Os CTT – Correios de Portugal lançaram o 3º ano da 3ª edição do Projeto de Voluntariado EPIS/CTT, promovido pela EPIS - Empresários para a Inclusão Social, em que mentores/as e explicadoras voluntários/as apoiam jovens em risco de insucesso escolar.

O lançamento decorreu na passada terça-feira, dia 10 de janeiro, entre as 10h30 e as 12h45 na Escola Secundária da Amora, no Concelho do Seixal, mentores/as, explicadoras e respetivos alunos/as encontraram-se pela primeira vez para iniciar um percurso conjunto. Este último ano da 3º edição conta com 11 mentores/as e duas explicadoras. Durante o encontro foi apresentado o Programa aos Voluntários/as CTT, alunos/as e Encarregados de Educação presentes e foi feito o respetivo emparelhamento dos/as envolvidos/as."

in https://www.ctt.pt/grupo-ctt/media/noticias/ctt-relancam-projeto-de-voluntariado-com-a-epis-para-jovens-em-risco-de-insucesso-escolar

LER NOTÍCIA COMPLETA

 

 

Ação de sensibilização, de prevenção e combate às Drogas

 

 

 

Na tarde do dia 6 de janeiro de 2023, no Auditório da ESA, para as turmas 10.ºA, 10.ºB, 10.ºC, 10.ºD1/D2, 10.ºH e 11.ºA, acompanhadas pelos professores Estela Oliveira, Teresa Matos, Simão Cadete, Isabel Albuquerque, Celeste Facote, Vanda Caio, Rui Laureano, Paulo Abreu, Tânia Ferreira, Carlos Araújo, Fátima Lopes e António Libreiro, realizou-se uma ação de sensibilização, de prevenção e combate às Drogas, dinamizada pela Equipa da Escola Segura, nomeadamente Agente Costa e Agente Vagarinho da PSP, com a colaboração da Enf. Inês Duarte.

Esta sessão ajudou os alunos a saberem identificar as drogas lícitas e ilícitas, nomeadamente o álcool, o tabaco e a canábis entre outras; forneceu conhecimentos e capacidades necessárias para lidarem com o risco associado ao consumo de Substâncias Psicoativas e outros Comportamentos Aditivos e Dependências (CAD); contribuiu para o reforço das competências que permitam evitar as drogas e a tomada de decisões saudáveis nas suas vidas. Para além disso, nesta sessão os alunos esclareceram as suas dúvidas e partilharam as suas ideias.

 

Violência Doméstica e de Género nas turmas 7B, 7C e 9D

 

Nos dias 20 e 21 de dezembro de 2022, em sala de aula, para as turmas 7.ºB, 7.ºC e 9.ºD, acompanhadas pelos professores, Luís Félix, M.ª do Céu Capelo e João Palaio, realizaram-se ações de sensibilização de prevenção e combate à Violência Doméstica e de Género dinamizadas pela Equipa de Apoio à Vítima, nomeadamente Enf. Inês Duarte, Agentes Vitor Hugo e Guilhermina Abreu da PSP, pelo Assistente Social do ESAssiste, João Silva e pela Técnica de Apoio à Vítima-Criar-T, Daniela Carvas.

Estas sessões ajudaram os alunos a saberem identificar todas as formas de violência e a mobilizarem-se perante situações de violência; contribuíram para o reforço das competências que permitam quebrar o ciclo de violência e para a tomada de decisões saudáveis nas suas vidas. Para além disso, nestas sessões os alunos esclareceram as suas dúvidas e partilharam as suas ideias.

 

Estudo HBSC/OMS

 

A ESA foi convidada a estar presente no dia 14 de dezembro de 2022, na Biblioteca do Palácio Galveias em Lisboa, para a Conferência de Lançamento dos Resultados Nacionais do Estudo Health Behaviour School Aged Children/Organização Mundial de Saúde, por ter participado com 533 alunos do 8.º, 10.º e 12.º anos.

Este estudo HBSC/OMS é realizado de 4 em 4 anos e contou com a participação de 51 países em 2021. Em Portugal o estudo contou com a participação da nossa Escola e a representá-la esteve o professor Mário Carneiro, Coordenador de Cidadania e Desenvolvimento. Os resultados espelham a Saúde dos Adolescentes Portugueses em contexto de Pandemia.

 

Estudo Nacional de Violência no Namoro

 

Na manhã do dia 12 de dezembro de 2022, a Escola Secundária de Amora, com a colaboração de 99 alunos de diferentes anos de escolaridade, voltou a participar no Estudo Nacional de Violência no Namoro da ART’THEMIS+ da UMAR.

“Este estudo tem ajudado a compreender os contornos da violência no namoro na vida dos/das jovens em Portugal, nomeadamente no que respeita à sua prevalência e à legitimação. A elevada prevalência de algumas das formas de violência estudadas, bem como o não reconhecimento destas formas de violência na intimidade revelam ser uma realidade preocupante em Portugal e que ainda há um longo percurso a fazer ao nível da consciencialização desta problemática. A integração deste estudo quantitativo com outros qualitativos é fundamental para que melhor se compreendam as dinâmicas de violência juvenis nas relações de intimidade.” http://artthemis.umarfeminismos.org

 

FRAGMENTUS INACABADUS

 

 

A 1ª fase do projeto Fragmentus Inacabadus está concluída. A concretização foi possível graças à parceria com o PCE - Projeto Cultural de Escola e consequente apoio da L1B Associação Cultural.

O projeto foi executado conforme o documento apresentado à Parque Escolar para a necessária autorização.

O painel, montado no exterior do bloco A, resultou dos padrões criados e pintados pelos alunos na disciplina de Cerâmica - 8º ano.

Um especial agradecimento ao Sr. Eduardo Lino Ferreira (na foto), da L1B, pelo excelente trabalho na montagem do painel.