Pode ler aqui a reportagem do jornal Observadorsobre o trabalho desenvolvido pela EPIS nas escolas. Destaque para o testemunho dos alunos, Nicomedes (EB2,3 Nun’Álvares) e Estéfano (ES de Amora)e seus mediadores, José Luís Lopes e Albertina Morgado.

No dia 4 de junho, os alunos EPIS de 19 Concelhos, que foram premiados com um PC pela Fundação Zurich, puderam agradecer esta oferta, através de uma videochamada com a Plataforma Webex. Esta reunião teve 91 participantes: alunos (incluindo o Diogo Coelho do 7ºA, da ESA), respetivos mediadores, Coordenadores, Diretor Geral e representantes da empresa doadora. Para terminar a sessão, houve direito a um mini concerto de trompete que o aluno José Colaço, da Amadora, fez questão de oferecer, em nome de todos, como forma de agradecimento pela generosidade da ZURICH.

Para mais informações sobre a campanha realizada pela EPIS, no sentido de combater a exclusão digital, neste período tão crítico, basta aceder ao site da EPIS (Empresários Pela Inclusão Social) ou aos link da reportagem da RTP.

“Tem de se prestar muita atenção aos alunos que não vão ter as mesmas oportunidades durante este período”. O alerta é do diretor-geral da EPIS – Empresários pela Inclusão Social, Diogo Simões Pereira, que chama a atenção para um maior risco de insucesso escolar a prazo, o qual pode abrir a porta a outros riscos de exclusão social.

Clique na imagem para ler o artigo completo.

Realizou-se no dia 16 de janeiro, no Auditório do Banco Santander, a entrega das Bolsas Sociais EPIS 2019.

O programa de Bolsas Sociais EPIS tem uma cobertura nacional – todas as escolas e alunos de Portugal se podem candidatar – e, em 2019, representou um investimento global de 107,1 m€, que compara com 99.6 m€ em 2018 (+8%). O programa contou, em 2019, com 26 entidades investidoras e 3 pequenos doadores individuais.

A Associação EPIS agradece o apoio das empresas e instituições que se associaram ao programa de Bolsas Sociais em 2019, na qualidade de investidores sociais.

 A 9.ª edição das Bolsas Sociais EPIS continuou a representar um importante crescimento do programa:

•   Categorias de apoio à orientação e inserção de jovens com necessidades especiais a partir dos 15 anos;

• Apoio a alunos que desenvolveram projetos sobre os objetivos para o desenvolvimento sustentável das Nações Unidas;

•  296 candidaturas recebidas de 41 concelhos e 11 nacionalidades distintas;

•  Candidaturas premiadas de 28 concelhos e 6 nacionalidades;

•  6 escolas e organizações distinguidas, 72 alunos premiados;

•  72 bolsas atribuídas;

•  Recorde de investimento social de 107.100€.

A Matilde Cardoso frequentou o 9. º ano, turma B, no ano letivo 2018/2019, e teve uma média de 4,67, pelo que está de PARABÉNS!!!

Realizou-se no dia 22 de novembro, no Hospital Cuf Descobertas 2, a entrega das Bolsas Sociais EPIS 2018.

Pode ler a notícia aqui.

OFERTA FORMATIVA

2020/2021

Formulários de pré-inscrição:

Centro Qualifica ESA

visita virtual à ESA

Equivalência à freq.

Login

Scroll to top